Wilfred R. Bion

Wilfred R. Bion

Wilfred Ruprecht Bion obteve formação médica, como cirurgião, no University Colege em Londres, tendo nascido na Índia, em 8 de setembro de 1897, na época do Mandato Britânico, e falecido em Londres, em 8 de novembro de 1979; fez formação escolar em Oxford, iniciada aos oito anos de idade. Aos 17 anos alistou-se voluntariamente, como a maioria dos jovens europeus, entrando em dos primeiros Batalhões de Tanques, aos 17 anos de idade; rapidamente alcançou a patente de oficial, dando baixa como Capitão, lutando na França. Agraciado com várias comendas militares, inclusive a mais elevada - Distinguished Service Order - outorgada por bravura em combate, além da Legião de Honra e várias menções em relatórios de inteligência. Abandonou a pratica cirúrgica, iniciada sob tutela do Prof. Wilfred Trotter, para tornar-se psicanalista, obtendo análise com John Rickmann e, depois, com Melanie Klein. Também participou, como psiquiatra militar, dos esforços ingleses na Segunda Guerra Mundial, nos serviços de treinamento dos Esquadrões de Caças da Royal Air Force, e depois no Hospital de Reabilitação em Northfield, Londres, com seu antigo analista, Rickmann, para tratamento de feridos de guerra, onde praticamente fundou a técnica de psicoterapia de grupo, em 1943 (simultaneamente com Siegmund Foulkes; embora os dois trabalhassem no mesmo hospital, jamais se conheceram). Sua contribuição para o manejo de pequenos grupos tornou-se clássica, sendo utilizada até hoje. Dirigiu a Tavistock Institute, que levou adiante este trabalho com grupos, agora aplicados em muitos outros campos, como fábricas, comunidades terapêuticas e psiquiatria comunitária e social, sempre baseadas nas observações de Bion, publicadas em artigos e depois reunidas em um livro (1961), Experience in Groups. Abandonou a pratica em grupos, mas não o interesse em seu funcionamento, e psicanálise tornou-se sua atividade clínica única, a partir de 1950; exerceu-a durante os cinquenta anos posteriores, doze dos quais vividos em Los Angeles, Califórnia.
Foi Diretor da London Clinic of Psycho-Analysis (1956-62) e Presidente da British Psycho-Analytical Society (1962-65).

Seu treinamento analítico com Melanie Klein contribuiu sobremaneira para que se tornasse um autor original e extremamente respeitado mundialmente: foi um dos primeiros a adentrar na análise de psicóticos - juntamente com Herbert Rosenfeld, na Inglaterra, e Karl Menninger, Harold Searles, Frieda Fromm-Reichmann e John Rosen, nos E.U.A. Como Rosenfeld, utilizou uma técnica psicanalítica isenta de qualquer modificação, advogada pelos norte-americanos. Estendeu as teorias até então existentes a respeito de processos de identificação projetiva e introjetiva, desenvolvendo novos instrumentos conceituais de abordagem e manejo destes processos. Hanna Segal ajuntou-se a este pequeno grupo, e o grau de integração - verdadeira polinização cursada - entre estes três analistas, incrementado por discussões com Melanie Klein (os três haviam se beneficiado de análise com ela) implica no fato de que, hoje em dia, não é muito simples discriminar as contribuições individuais de cada um no que tange ao desenvolvimento de várias teorias esboçadas por Freud: clivagem, processos projetivos, fantasia inconsciente. Estas expansões e aprofundamentos tornaram-se objetos de estudo e aplicação clínica não apenas no seu local de nascimento, Reino Unido, mas também na América (Sul e Norte, cronologicamente) e, nos anos 1990, em todo o mundo.

Seus escritos incluem Learning From Experience (1962), Elements of Psychoanalysis (1963), Transformations (1965), Attention and Interpretation (1970), Two Papers: The Grid and Caesura (1977), A Memoir of the Future, em três volumes (1975, 1977, 1979). O último, assim como três volumes autobiográficos, The Long Weekend (1982), All My Sins Remembered (1985) e War Memoirs (1997), além de Cogitations, (1992) e alguns volumes sobre palestras e conferencias de Bion em alguns países como Estados Unidos, Brasil, Itália e França, foram publicados postumamente, por sua dedicada esposa, Francesca Bion, falecida em 2015 e Membro Honorário da British Psycho Analytical Society, pelos seus serviços na divulgação da obra de Bion.

Classificar por :
Mostrando 1 a 3 de 3 itens
Domesticando Pensamentos Selvagens

Domesticando Pensamentos Selvagens

por Wilfred R. Bion

  • Brochura $17.96 (Valor : $19.95 poupa $1.99)
  • eBook $14.39 (Valor : $19.95 poupa $5.56)
  • Brochura + eBook $25.96 (Valor : $34.34 poupa $8.38)

Domesticando Pensamentos Selvagens reúne trabalhos inéditos de dois diferentes períodos da vida de Bion, que estão relacionados, como Parthenope Bion Talamo diz, em sua introdução, pelo conceito de... (mais)

Seminários na Clínica Tavistock

Seminários na Clínica Tavistock

por Wilfred R. Bion

  • Brochura $13.46 (Valor : $14.95 poupa $1.49)
  • eBook $15.29
  • Brochura + eBook $21.96 (Valor : $30.24 poupa $8.28)

Nestas palestras, onde também ocorrem conversas com a audiência, W.R. Bion se detém em alguns tópicos: a importância de se observar e da passagem do tempo; sonhos; arte e psicanálise. O livro também... (mais)

Seminários Italianos

Seminários Italianos

por Wilfred R. Bion

  • Brochura $13.46 (Valor : $14.95 poupa $1.49)
  • eBook $15.29
  • Brochura + eBook $21.96 (Valor : $30.24 poupa $8.28)

Palestras e conversas com colegas italianos do Grupo Polaiollo - um dos primeiros grupos de psicanalistas formados para o estudo da obra de Bion, em 1977. Parte do conteúdo destas palestras havia... (mais)

Classificar por :
Mostrando 1 a 3 de 3 itens
Registre-se para obter, semanalmente, “Karnac Books – Novidades”, por e-mail   Registre-se aqui para receber Catálogos impressos de nossas novidades, entregamos por correio em sua residência ou consultório   Sign up for postal updates